Um Começo, Acabado

Como mostrar? Ao menos entender? Ou até mesmo não ligar?

Mas difícil é compreender. Ter sonhos e não realizar, saber e não poder dizer.

Sonhar e não precisar viver. Viver sem precisar acreditar.

Escrever e não poder mandar. Construir e não poder morar.

Sem sentido pra voltar. Sem olhares pra se cultivar.

Amar e não saber por quê. Lembrar e não poder esquecer.

Fazer loucuras e não querer parar, fechar os olhos e não querer abrir, abraçar uma canção sem precisar ouvir.

Querer sem ao menos saber. Caminhar sem um rumo a trilhar.

Não desistir por não querer deixar, as coisas que ninguém nunca sentirá.

Planejar sem medo de não alcançar.

Transformar e não conseguir acabar.

ESPERAR E SENTIR QUE SIM TUDO É VERDADEIRO, POR MAIS QUE EXISTAM CENTENAS DE NÃOS EM UMA LINHA MALDIRECIONADA.

SENTIR QUE TUDO PODE SIM SE CONCRETIZAR, MESMO QUE SEJA POR MEROS SEGUNDOS COLOCADOS NUMA VIDA QUASE CENTENÁRIA.

AMAR E NÃO ESPERAR NADA EM TROCA, sentir e precisar chorar.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s