TITANIC, o último relato.

Sempre fui vidrada em computadores, desde que consigo andar e ter a visão das palavras, em dezembro de 2003, no auge dos meus poucos anos, ao certo 10, descobri um site chamado: Fotolog, não sabia, mas ele iria mudar totalmente a minha vida…

Amava observar ás fotos, sonhar com os lugares e o modo com que ás pessoas fotografavam, foi o primeiro site no qual desembarquei nessa minha fascina pelo mundo fotográfico (numa época em que a internet era sinônimo de riqueza e ás pessoas usavam fielmente ás LAN HOUSES)…

… mas eu não estava esperando encontrar nele tantos sonhos e tantas mudanças na minha própria vida.

Era uma época complicadíssima, havia perdido meu verdadeiro amor há 3 anos, sim, meu PAI, não superei isso até hoje, ainda acho que vou encontra-lo, e que ele vai sorrir para mim, o sorriso mais lindo que eu já vi em toda a minha existência…

…eu não me lembro de praticamente nada entre os anos (2000-2003) como se a minha vida não tivesse fazendo algum sentido real, mas o fotolog me fez despertar ainda mais a vontade de viver e sonhar (sempre fui movida a sonhos), quando descobri nele, a pessoa que mudaria por completo o meu coração, e me ajudaria por anos, Paraíba Fresno, o encontrei em uma das pessoas que seguia na época, e o que me levou até ele de fato, foi a foto de um cachorro, o Smígolas (na época até quis por o nome do meu atual cachorro “Toby” do mesmo, ou até de Paraíba)… mas ali havia mais que uma foto, havia um texto, e eu era literalmente apaixonada pela leitura, e me apaixonei instantaneamente pelo modo que o dono do fotolog tinha ao escrever… desde esse dia: 19/12/2003 eu passei a ler sempre o que ele escrevia ali, nunca imaginando que ele se tornaria algo tão grande na minha vida, e nas de tantas pessoas…

… não sei em que meio tempo eu me apaixonei literalmente pelo rapaz em si, na idade em que eu tinha não sabia nem ao certo o que sentia realmente…

… mas sabia que ali existia muita admiração, principalmente, após descobrir sua banda em 2004, Fresno, vendo um clipe em um site que terminava em .tk

.. bem, ele com certeza foi uma das pessoas que mais me reviveu naquela época tão difícil, talvez a mais difícil da minha vida… onde eu estava buscando de alguma forma, novas razões para continuar neste mundo, com a ajuda inigualável da minha mãe.

Ele nem sabia da minha existência, e realmente não sei quando ele veio a saber, e nem se realmente sabe… mas eu via nele algo que eu não media mas sentia, isso girando em torno de tudo, e não só dos textos, das músicas, ou de um guri ‘bonitinho’… de algo que eu não consigo medir nem agora, uma emoção realmente sem razão, acho que a parte mais linda do meu coração.

Anos se passaram e eu vi tudo aquilo se transformando na minha frente, e como ele crescia, e quantas mudanças eu acabei sofrendo, em mente, em vida, em expectativas, em sonhos…

É meio complicado relatar tantos anos, tantos sentimentos, principalmente, numa época em que eu era literalmente uma criança, fui criança até meus 16 anos, totalmente imatura, daquelas que jogava de RPG de Pokémon até GTA, e sonhava que os Digimons existiam…

.. sempre tive uma vida de sonhos.

Mas eu sempre quis de alguma forma aumentar meus sonhos, traze-los para a realidade, e num ciclo sabiamente crescente (muitas vezes incoerente, sem razão, e por anos escondido), fui tentando de várias formas chegar até o tão admirado por mim, o Beeshop.

E desde o principio eu sabia que aquilo tudo era na real uma ilusão, até mesmo um canibalismo carente, algo totalmente incoerente, mas era gostoso de se sonhar, era como se eu tivesse entrando num TITANIC… eu sabia que ele iria afundar, mas a história era tão linda, e mesmo que eu sofre-se ou me engana-se eu queria vivê-la.

Se passaram 8 anos, na real 7, mas eu não gosto do número 7, mas talvez tenham sido 8 mesmo, não sou muito boa em contas fáceis, me dá uma pane que nem a calculadora resolve… (sou realmente uma nerd complexa) …e eu consegui encontra-ló e abraça-ló, depois de vê-ló tantas vezes por uma TV, pela tela de um computador ou por um palco distante do meu alcance, sabem o que é olhar para uma pessoa dizer: “-MEU DEUS, ELE ESTÁ NO MESMO PLANO QUE EU” (nem sei e nem quero ver qual foi a minha cara na hora), nem vou dizer que o meu coração parou e eu senti borboletas no estômago, não, ali eu estava vivendo um sonho que nem mesmo eu sabia a dimensão… (num momento se passaram tantas coisas pela minha mente ‘não sei como não desmaiei ali mesmo’ todos os sonhos, erros, enganos, momentos, esperas, conquistas… de alguma forma eu sabia, que eu iria ter que acordar).

Eu realmente sabia que eu iria ter que acordar, nos meus 18 anos, a garota sonhadora, deveria parar de sonhar para viver, construir em vida não só sonhos mas realidades, eu sabia que não poderia mais sustentar tudo aquilo, por isso esperava e tentei tanto por aquele momento, para entregar o presente mais bobo a pessoa que mais significou algo em minha vida…

… não sei se fiz certo, não sei se ele gostou, e não sei se um dia vou saber… mas ali naquele abraço e naquele beijo em seu rosto, eu deixava o adeus de um sonho real, e todas ás coisas boas que ele me fez sentir, e a dimensão do tamanho que ele conseguiu me ajudar, o carinho e talvez o amor que eu sentia.

Ao certo eu não sei o que é o amor, mas deve ser isso que eu acabei de relatar e tudo aquilo que eu senti e não pode ser relatado… (nem que eu queira)

… faço deste o meu último texto, perante tantos outros que eu disse que seriam os últimos… faço deste um relato de todos os outros, o porque de tanta incoerência…

…não sei como termina-lo assim como não sabia como começa-lo, também não sei se esqueci de algo, só sei que foi a melhor vida de um sonho que eu tive e terei, se terminou eu também não sei, mas eu tive que parar de sonhar e acordar para aquilo que para mim ainda parece um sonho.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s