Um Amontoado…

…de sonhos sendo destruídos AGORA, em tempo real, nesse instante, eles desaparecem, como as lágrimas que haviam dentro do meu corpo.

Toda esperança morreu, mas a dor não essa jamais morrerá? Essa é maior que eu, ela não suporta, não ter mais um caminho, não ter mais um chão seguro onde pisar; não ter mais o que sempre teve, e o que um dia a fez ser feliz.

A dor que talvez ninguém compreenda, e a mesma da perda da morte, talvez pior; a perda do amor, aquele que continua vivo, mas não para você.

Ninguém entende, nem eu mesma entendo, pra que tanto sofrimento se acabou, talvez eu não acredite, é difícil dizer a você mesma, que o tempo vai passar, e a sua história passará como todas as outras que ele já teve… isso é um sofrimento que não acaba, não sossega nenhum segundo, te faz mal até o ultimo vestígio da luz.

Quando irei aceitar? Como se faz isso? O tempo não resolve nada isso é fato, o tempo nem se quer ajuda só piora, a dor só se alonga cada vez mais, fazendo o cronômetro de quantos minutos ele não esta mais com você…

“EU QUERO VOCÊ, EU PRECISO DE VOCÊ, mas eu não vou te ter, você não precisa de mim”  Exatamente assim, em maiúsculas, o que seu coração despeja em uma fração de segundos, em minúsculas, o que ele despeja após várias horas de sofrimento batidos num grandioso muro (do impossível)…

SOCORRO! É eu continuo pedindo socorro, e se eu não parar com isso vou acabar morrendo pedindo, um socorro que está dentro de mim… mas eu não acho, tudo isso por causa de um amor? COMO PODE? Eu não sabia que poderia amar tanto alguém, eu nem se quer me amo direito… isso é meio estranho, não está certo, eu não devia estar sofrendo tanto… eu não devia estar chorando ainda… eu não devia estar escrevendo sobre isso, eu JÁ DEVIA ter virado essa maldita página, que me obriga a escrever em suas bordas, pois as linhas já se acabaram…

Daria tudo para sumir, UM ANO, e acordar sem lembrar disso tudo, eu sou muito sozinha sempre fui, deve ser por isso que comigo seja tudo tão mais intenso, eu não vejo outra mão amiga para me tirar daqui, eu sou só, até quando tenho pessoas a minha volta, eu que sempre precisei tanto de um ombro amigo, que nunca existiu…

Tenho a minha mãe, e por ela que ainda estou aqui, tentando viver novamente, virar essa página mais uma vez, é por ela, que eu continuo tentando achar a luz, e é ela que consegue me desviar segundos dessa dor que assola o meu coração (e ele também, meu eterno sonho real).

Eu estava encantada, com um conto de fadas, um filme que jamais será concretizado, A Pequena menina frágil que encontra seu verdadeiro amor, e se entrega a ele de corpo e alma, e põe um felizes para sempre no final, sem escrever o decorrer da história…

ILUSÃO tudo ILUSÃO, tudo o que eu escrevo não passa de uma ilusão, a VIDA, não passa de uma série de ilusões e tormentos que ficam chicoteando a sua cabeça, e poucos momentos bons, que vem te salvar, pra que você não se revolte e se mate de uma vez…

Eu entendi? SIM, mas NÃO vou conseguir viver com isso, não agora, e pelo visto não vou conseguir viver com você novamente, depois disso tudo e de tanto sofrimento, acho impossível, que algo dê certo, apague meu felizes para sempre e coloque: ACABOU, PARA COMEÇAR ALGO NOVO, de novo… nada de amores por uma década; vou me AMAR MAIS, coisa que eu nunca fiz na vida, viver mais em função de mim, pois se eu depositar novamente todo meu amor e minha vida em alguém, COM TODA CERTEZA, eu me machucarei novamente, de novo e de novo…

Acho que nunca escrevi tanto assim, e tão sincero como hoje, tão consciente, talvez eu esteja encontrando, o tal SOCORRO, A LUZ; talvez por esse instante, eu esteja em paz; talvez nesse momento eu viva com um sorriso no rosto; sorrindo sem saber o por que; mas talvez o porque seja esse: O SOFRIMENTO ACABOU, você está livre para sonhar com algo que jamais ousou sentir.

Por isso eu me digo: largue disto, existem outras coisas, existe VOCÊ, existe sua MÃE, (existe O VERDADEIRO AMOR DA SUA VIDA) existe o MUNDO inteiro, e a sua VIDA inteira… Não pare por um pedaço do seu coração que foi arrancado de forma cruel e por você mesma.

Sua vida não termina assim.

Vale a Pena?

Vale a pena amar tanto assim? Um amor tão forte, que hoje você tenta com todas as suas forças acabar com ele, lutar contra o seu próprio coração, a maior e pior das batalhas já traçadas.

Por mais que digam que vai passar, eu sei que não vai, pelo menos não comigo, não suporto te ver feliz, quando estou morrendo literalmente, não é possível que acabou, eu ainda não acredito, e tudo o que passamos, o que íamos passar, foi tudo apagado da sua história?

Eu não guardo magoas, nem raiva, dizem que é esse o ponto chave que você tem de bater, para que uma pessoa suma da sua vida, mas eu não consigo guardar as coisas ruins, meu coração só pensa em te abraçar e nunca mais te deixar, é tão difícil entender isso, hoooo mundo cruel… Hooo vida não seja tão cruel, com alguém que está a procura de um milagre, aquele milagre que te salva, quando você não vê mais jeito para ficar em pé, ele não vai aparecer? Eu sei que não.

Quantas semanas mais, vou ficar pedindo SOCORRO? Sem ninguém para me ajudar, sem você, para me abraçar e dizer que eu sou a sua vida?

Eu não aceito as verdades, o que esta na minha cara, eu não consigo, sonhos te trazem de volta, caricias tão reais, momentos tão reais, sentimentos tão reais.

Eu desisto. Pelo menos por agora, me deixem viver em paz.

Não Devemos

Não devemos amar quem não nos ama, querer quem não nos quer, sonhar com quem não sonha com agente, desejar quem não deseja agente, sentir FALTA de quem não sente da gente.

Eu daria tudo para isso não estar acontecendo justo comigo, uma pessoa tão fraca, deprimida e sem forças para lutar contra o mal da realidade.

Gostaria que tivesse acontecendo, mas não dessa forma tão dolorosa, e SOMENTE para mim, quem você ama não está nem aí pra ti, e você tem que viver numa boa, pois a vida é assim… A pessoa pela qual você se apaixonou e colocou em primeiro lugar na sua vida, está ótima sem você… Ela não precisa de você.

E você não precisará mais dela, amor próprio é o mínimo agora, o resto vai se encaixando, cada vez pior pelo visto.

Tudo o que você não quer ouvir, pode ter certeza você irá ouvir nessa vida, a maioria das pessoas não merece a sua bondade, e principalmente o seu amor, sua alma e o teu coração, você nunca saberá se isso um dia vai acabar para ela, se é que um dia ainda foi algo para ela.

E como recomeçar do Zero, me sinto tão só, não gostaria de me sentir assim, é ruim… gostaria que isso não tivesse acontecendo, gostaria de não existir mais nesse mundo, ele não merece isso, mas eu não consigo viver, sabendo que a pessoa que eu mais amei na vida, não precisa de mim.

No momento eu não estou bem, mas irei ficar e tudo isso vai passar.

Mas esses erros na minha vida eu não cometerei de novo.

Tristeza

A tristeza que eu tanto temia hoje está em todos os lugares, todos sem exceção, não sei mais o que pensar… Logo não terei mais coração… a solidão parece me chamar.

Eu não agüento mais isso, não consigo mais ser feliz, belas conseqüências pra quem quis ser sentimental, colocando amor em primeiro lugar sempre.

Pois é, a vida me deu uma sacudida, me derrubou e passou cimento em cima.

Só para que eu tenha forças pra enfrentar o futuro que virá.

Eu não gosto de ser só, e hoje me sinto a pessoa solitária do mundo.

Sozinha

Sabe quando você quer ligar a alguém, mas você sente que está sozinha, e sozinha vai continuar mais horas e horas, e a única pessoa que poderia te ligar jamais ligará. Eu estou sozinha de ambas as partes, tendo ambos os sofrimentos, não tenho mais ninguém para cuidar do meu coração e ainda menos para cuidar de mim ;~~

Tudo se tornou tão estanho, eu estou confusa, não consigo entender, as lembranças reviram – se na minha cabeça e não acham seus devidos lugares, eu gostaria de sair correndo de toda esta situação, eu estou com medo, não era pra eu estar, mas estou, com muito medo de não o ver nunca mais.

As palpitações passaram, pois meu coração lembra das nossas poucas trocas de olhares que já tivemos, e a solução eu sinto que esta ali, mas não consigo alcançar, não sei o que fazer, pela primeira vez, eu parei no meio da jornada e sentei, como se o chão tivesse um imã, e dele eu não quero sair.

A maldita esperança do meu coração não some, o abraço que toca o fundo da minha alma, a como eu queria não solta-lo nunca, morrer ali estaria bom, estaria fácil, estaria único.

Lembranças

As lembranças vêm com tudo, não de momentos ruins, mas sim dos bons, aqueles que me fizeram sorrir um dia, aqueles que hoje me machucam, como uma faca próxima a veia principal que me mantém viva, vocês tem noção de como a dor persisti, de como é forte, querendo que eu desista e me fazendo sonhar com o que não vai acontecer…

O passado não deveria ser lembrado como disse meu mestre, mas ele volta a cada 5 minutos.

As escritas já não adiantam muito, fatos, verdades colocadas na sua cara também não, esse passado sim some, o passado que de alguma maneira deveria ficar…

Não sei como vou conseguir dar a volta por cima, mas já faz algumas horas que não choro, pelo menos não superficialmente, já é um começo, é uma coisa muito dura para mim, não colocar meu sofrimento em lágrimas, mas não sei se deixa – lo aqui dentro vai melhorar de algo.

É complicado viver, é complicado entender, é complicado colocar na minha cabeça que acabou. Eu preciso esquecer, vou pedir pra esquecer, não tenho como fazer voltar, então não tenho mais saída, a não ser dar um rumo novo a minha vida destruída.

Destruída por um terremoto de sentimentos tristes e inacreditáveis.

Quando vai passar essa dor que me entristece e que me faz lembrar?

Como eu faço para que essa lembrança que me machuca, se torne algo que me ajude, foi tão bom quanto durou. Um dia talvez você leia isto, você que Enferrujou de uma maneira que nem meu coração quente pode derreter o ferro.

ESFRIE SEU MALDITO CORAÇÃO, você não percebe o que esta acontecendo com você? Você quer acabar num hospital, pra todos verem como você é fraco? O mundo não é dos fracos, quantas vezes já não te disseram isso? E você volta a ser fraco, volta  a lembrar, volta  a chorar; eu vou acabar  te arrancando daqui ou vou te jogar pra bem longe, pra você sentir a solidão, sozinho, não fazendo voltar às lembranças para a minha mente.

Basta você já sofreu demais.

E como o mestre já disse:

O PASSADO É INSIGNIFICANTE. Sim, ele é o espelho da nossa história e conta muito sobre o que somos. Mas o que eu sou depende muito mais do que eu estou fazendo agora, do que das coisas que eu fiz. Nós temos o poder de mudar, a qualquer momento da nossa existência, para melhor ou para pior. A única coisa que importa é o futuro, que nada mais é do que uma página em branco que a gente pode preencher com as tintas que bem entendermos.

Talvez

Talvez lendo esses textos que ando escrevendo aqui, desde o começo da minha dor, ou melhor, desde que eu tinha o meu Amor, me ajudem por si só, a voltar a viver, a voltar a enxergar, que não é o fim do mundo, mas é difícil, um minuto estou bem, e horas e horas estou ruim.

O choro acalma, mas não cura, e vendo que o choro acalma você vai chorando mais e mais, até que uma hora essa calma penetre em seu coração para durar alguns minutos que seja.

É como uma máquina, que precisa da tristeza para se locomover, isso é muito ruim, é ruim demais.

E Como Dói

E dói demais, e não passa, persisti, não morre, que angustia, que sentimento de perca, tanta trituração em um coração só.

Eu não agüento mais, eu quero sumir, quero desistir eu não vou conseguir viver, são tantas coisas que se passam na minha cabeça, tantas lembranças, eu não consigo pensar nos momentos ruins, e tudo tão relativo, eu vou acabar adoecendo de tanta tristeza, de tanto chorar, de tanto pensar, ME AJUDE, a encontrar uma saída, encontrar a força que não existe em mim, estou pedindo socorro, me ajude, por favor, faça com que esse buraco no meu coração, na minha memória, na minha vida, cicatrize, eu não sou forte como todas a maioria das pessoas, não consigo ser fria, eu estou mal, eu estou morrendo eu sei disto, mas não consigo fazer parar.

Tudo me lembra o passado, TUDO, minha mente, meus sonhos, não tenho para onde fugir, e isso não é drama, é tristeza, é a lágrima que mesmo não escorrendo pelo rosto, transborda pelo coração como uma cachoeira, eu preciso de ajuda, essa depressão que eu sinto agora, é a que mata, não a que fere aos poucos, eu preciso de uma LUZ, eu estou tão triste, eu estou chorando novamente, três dias consecutivos chorando, isso não vai passar?

E dói pensar, e dói amar, como dói amar e não poder ter a pessoa que você ama junto de ti, como dói, que desespero.

E quanto às palavras, as fotos, os textos, os sonhos, os planejamentos, a amizade, o AMOR, o CORAÇÃO, A MINHA VIDA? Tudo se foi, e eu não sei parar a dor.

Meu Coração

Sinto que no lugar onde eu costumava viver, no fundo do teu coração eu nunca mais vou sentir algo meu.

Mas eu sei que existe, pois no meu existem várias lembranças, vários sonhos, vários caminhos para serem resolvidos e muita, muita esperança, de conseguir de volta a grande parte do meu coração que ficou contigo, mas não sei como lidar com o Frio, meu coração é quente, mesmo morrendo a chama dele jamais se apagará.

O meu coração é único, o meu coração não precisa de um novo amor, o meu coração quer o seu amor, mesmo que não o tenha mais, mesmo que tenha acabado para sempre, porém mesmo o coração mais quente morre!

Não sei quanto tempo falta para isso, mas ele vai gelar, ele vai ver o quanto o sofrimento faz mal a ele, e ele vai conseguir quebrar como um cubo de gelo.

Meu Livro

Em um dia tudo pode mudar, somente UM dia para tudo não ser mais mesma coisa, e você corre por uma saída em sonhos, pesadelos, você liga, você implora com as ultimas forças que seu coração ainda tem, alias com as forças que ele não tem não é mesmo…

É impossível para mim, fazer como todos, apenas virar a página, quando o meu livro acabou, quando eu sinto que não vou conseguir viver sem ás páginas que faziam parte da minha vida.

Mas como sou tonta minhas esperanças nunca morrem? Por que não morrem? Por que a dor não some? Nunca mais vai sumir? Vai ficar pra sempre na minha jornada? Meu livro acabou realmente? Devo admitir isso e esperar pelos anjos do céu, porque Deus deve saber quando você não tem forças pra viver, será que é esse o grande segredo da morte? Ou apenas a morte do seu coração…

Eu não suporto ter que afirmar a mim: Acabou, não, não tem mais jeito, não você já tentou de tudo, não você não tem mais saídas, não você está no fundo do poço, e só saí de lá por vontade própria… Mas eu não tenho essa vontade, o poço é um lugar seguro, aonde as esperanças devem sumir, nem as musicas, nem os textos, nem nada, vão me fazer esquecer tudo aquilo que eu vivi.

Eu sou uma pessoa muito diferente para viver aqui, para todas sou uma completa idiota, dramática.

Todos dizem: Tudo passa, vai passar, você tem que ter calma, você tem que ser forte…

Mas eu não tenho forças vocês entendem? Não foi meu coração que acabou, e sim meu livro. Não tenho mais lugares para escrever, não quero mais escrever, ninguém pode me ajudar porque eu não quero, eu não acho mais a caneta.

Meu livro já deve ter sido despedaçado, queimado, e nunca mais será encontrado.